quinta-feira, 25 de junho de 2009

Contardo Calligaris e os valores positivos...

Primeiro, o link do texto de Contardo Calligaris, intitulado "Valores Positivos":

http://contardocalligaris.blogspot.com/2009/05/valores-positivos.html

Agora, o meu comentário feito em seu blog:

Contardo, me permita discordar de seu posicionamento nessa questão. Sim, eu ficaria do lado do juiz norte-americano. E não porque eu ou "ele" achemos legítima a manifestação desses grupos, muito menos por concordarmos com suas idéias. Não se trata aí da legalidade em sentido estrito - até porque alguns desses grupos já cometem crimes em alguns países (o caso do Brasil, por exemplo, em que a expressão do racismo por si só já é crime). Mas o que se questiona é a legitimidade do Estado - cuja vontade está sujeita à dos seus burocratas e políticos - em adentrar a esfera material de valoração desta ou daquela ideologia. Abrindo-se essa Caixa de Pandora, o que viria em seguida? A censura pode - e deve! - ser moral e socialmente concretizada em face desses grupos racistas, xenófobos, sexistas, etc. O que não podemos é nos valer do Estado - e do julgamento pessoal de seus titulares - para fixar, sob um paradigma axiológico, o que é ou não legítimo de ser dito pelos seus cidadãos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário