sábado, 26 de dezembro de 2009

Resposta a Emiliano José

Esse é o link para o texto do político baiano Emiliano José, publicado na sua coluna "Direto de Salvador", no site da revista Carta Capital: http://www.cartacapital.com.br/app/coluna.jsp?a=2&a2=5&i=5519

O texto chama-se "O Problema Político da Comunicação", e defende, entre outras medidas, a volta da obrigatoriedade do diploma de jornalismo para o exercício da liberdade de imprensa.


Resolvi escrever um comentário para o articulista, nos termos do que segue:

"Caro Emiliano, como um liberal-democrata (no sentido norte-americano do termo), concordo que a mídia no Brasil deve sofrer um processo de redemocratização. Mas isso não passa por um maior controle estatal, e sim pela diminuição da influência política sobre os meios de comunicação. Ao invés de tornar o diploma jornalístico obrigatório, ou de tornar a mídia on line um território livre das leis (mantendo a mídia impressa como um território patrulhado pelo politicamente correto), acho que esse processo de redemocratização passa pela adoção de regras claras nos sistemas de radio e teledifusão.

Licitações públicas, investimentos tecnológicos que permitam a integração entre mídias e o maior acesso aos seus conteúdos jornalísticos, e incentivo à produção nacional (não por cotas, mas por investimentos). Essa, creio, é a fórmula para a redemocratização da mídia/imprensa no Brasil. O resto é mera substituição de um processo cartorial e antidemocrático (de direita) por outro (de esquerda) - em detrimento da liberdade."


Esse é um debate que não acaba por aqui, mas que atinge diretamente as nossas liberdades mais caras.

Nenhum comentário:

Postar um comentário